Cuidados preventivos para a saúde da mulher

Cuidados preventivos para a saúde da mulher

A correria do dia a dia e a característica própria da mulher de querer cuidar de todos e deixar ela para um outro momento pode acarretar em diversos problemas de saúde. É comum médicos diagnosticarem doenças em grau avançado e sem opção de tratamento de doenças que, se percebidas na fase inicial, podem ser facilmente eliminadas. Isso só é possível com os cuidados preventivos.

Veja algumas dicas para você, mulher, cuidar de sua saúde: 

1 – Tenha uma alimentação saudável

O ideal é ter uma alimentação saudável rica em legumes e frutas. Seja qual for a sua idade, é sempre hora de mudar a alimentação. Procurar uma nutricionista para indicar uma boa dieta, rica nos nutrientes que seu corpo precisa é excelente. Além disso, a alimentação pode ajudar na cura de doenças, consulte seu médico.

2 – Dê atenção à sua saúde mental

As mulheres podem sofrer sintomas psíquicos por diversos motivos. Muitos são os desafios que passamos com menstruação, TPM, maternidade, mercado de trabalho e a própria pressão da sociedade com situações como racismo, vulnerabilidade, mercado de trabalho masculino, etc. 

Reconhecer que precisa de ajuda é o primeiro passo. E se há a necessidade de um acompanhamento, um psiquiatra ou um psicólogo vão te dizer o caminho certo a seguir.

3 – Faça exames periódicos

O Sistema Único de Saúde oferece exames gratuitos para câncer de colo de útero e de mama para as mulheres. Estes não devem faltar na sua agenda anual.

Além deles, é importante fazer um check-up, ver como sua saúde está e manter os exames periódicos em dia conforme orientação do seu médico. A prevenção é a melhor estratégia para manter a saúde bem cuidada.

4 – Se você é sexualmente ativa, escolhe bem o método contraceptivo

Hoje o mercado oferece diversas opções de método contraceptivo, no entanto, muitas mulheres desenvolvem doenças graves por escolher o método errado ou utilizá-lo inadequadamente. Além disso, sem o conhecimento, a mulher pode ser surpreendida por uma gravidez indesejada. O ginecologista é o profissional ideal para te indicar o melhor método. Não faça essa escolha com base na propaganda da TV ou na dica das amigas.

5 – Atenção ao período menstrual e climatério/menopausa

Somente as mulheres sabem o que é passar por essas fases do ciclo hormonal. Há mulheres que sofrem reações agudas em cada uma delas. Há mulheres que quase não as percebem. Essa diferença de reações é fruto da diferença de organismo, no entanto, a regulação hormonal, uma alimentação de diferenciada e até uma lista de exercícios físicos podem melhor em 90% as dores e mal-estar. 

Apenas com acompanhamento e exames médicos é possível encontrar este alívio. Procure seu médico e conte sua jornada para ele.

6 – Faça exercícios físicos

Seja qual for a sua idade, exercícios físicos devem fazer parte de sua agenda diária (se possível). O corpo precisa de movimento, inclusive, para seu bom funcionamento. O sedentarismo traz diversos problemas de saúde.

Não faça exercícios sem uma orientação. Além do personal training, é importante realizar um check-up do sistema cardiovascular para ter certeza do que você pode fazer.

7 – Adquira um plano de saúde

Para ter segurança e tranquilidade, garantindo que estes exames e controles sejam feitos, você precisa estar amparada por bons profissionais e ter à sua disposição laboratórios e hospitais que realmente vão te dar o suporte que você precisa. 

A prevenção é sempre a melhor escolha. Um bom plano de saúde pode te ajudar e evitar diversas doenças e garantir uma vida mais feliz e leve.

Quer ajuda para contratar um plano de saúde? Fale com a Solum Corretora. 

Compartilhe essa publicação